Rasganço

Rasganço

Um filme de Raquel Freire

Portugal, França, 2001, 93'

"Rasganço" decorre em Coimbra em torno dos estudantes universitários e dos seus rituais académicos. Um mundo fechado, dominado pela Associação Académica, pelas tradições seculares da praxe e de códigos de comportamento. Um dia chega à cidade um jovem de fora, que não pertence a esse mundo, que lhe permanece vedado. Para se vingar dessa exclusão, seduz e conquista várias mulheres, para fins mórbidos e violentos. O ‘rasganço’, que dá nome ao filme, é a mais selvagem tradição coimbrã: no dia em que um estudante acaba o curso, os amigos rasgam-lhe o traje académico com os dentes e as unhas e roubam-lhe a capa, que o doutor tem que recuperar. Estreia mundial na Semana da Crítica do Festival de Veneza em 2001.

Créditos

REALIZAÇÃO Raquel Freire ARGUMENTO Raquel Freire PRODUÇÃO Paulo Branco ELENCO Ricardo Aibéo, Ana Brandão, Isabel Ruth LÍNGUA Português LEGENDAS Inglês

Raquel Freire

Realizador
Este website usa Cookies. Ao navegar neste website está a concordar com a nossa Política de Cookies.