Júri

Margarida Vila-Nova

Actriz

Margarida Vila-Nova, estreou-se no cinema em 1988 com o filme “Dédé”,
de Jean-Louis Benoît. Desde então nunca mais parou, tendo participado em várias longas-metragens de realizadores como João Mário Grilo, Mário Barroso, João Botelho, Raúl Ruiz, entre outros. Em teatro destacam-se os espectáculos “A Morte de Romeu e Julieta” e “Macbeth”, de Shakespeare, bem como “O Príncipe de Hamburgo”, de Kleist, entre outros. Em cinema destacam-se os filmes “O Milagre Segundo Salomé”, de Mário Barroso, e “Cartas da Guerra” e “Hotel Império”, de Ivo M. Ferreira, filme com que concorre ao prémio de melhor actriz nos Prémios Sophia 2020 e Prémios SPA Autores 2020.
Este website usa Cookies. Ao navegar neste website está a concordar com a nossa Política de Cookies.